Posts Tagged ‘Futebol’

Zugzwang Rubro-Negro

15/04/2010

A CBF decidiu de uma vez por todas: a muito falada Taça de Bolinhas vai para o São Paulo Futebol Clube. Para quem já está cansado deste assunto, pode passar adiante. Para os demais, leiam depois do corte.

(more…)

Anúncios

Meninos da Vila dando show de intolerância

02/04/2010

Eu sou agnóstico (ateu para todos os propósitos práticos), como vocês bem sabem. O que talvez vocês não saibam é que não tenho o menor problema em conviver com pessoas religiosas, desde que não me encham o saco com proselitismos. Diga-se de passagem, sempre achei proselitismo ateu um saco também. Sempre preferi o estilo mais “cavalheiro” de Carl Sagan ao ativismo rábido de pessoas como Richard Dawkins (cuja obra de divulgação da biologia aprecio muito, de outra forma). Em minha opinião a tolerância é o nome do jogo; e se devemos conviver com os outros 7 bilhões de seres humanos do planeta, devemos — TODOS nós — aprender a controlar nosso impulso de julgar o colega do lado um idiota porque ele acredita em algo idiota.

É por tudo isso que eu não consigo compreender a atitude dos jogadores do Santos: instados a participar de um evento beneficente, Robinho, Neymar e Ganso recusaram-se a sair do ônibus da equipe quando descobriram que a casa que abrigava as crianças deficientes era administrada por uma entidade Espírita. O técnico Dorival Jr. tentou convencê-los, mas não houve como. Outros membros da equipe acabaram realizando o evento, mas as principais estrelas do time simplesmente foram embora.

Mais tarde o evangélico Neymar confirmaria que não entrou por razões religiosas. Em casa conversou com o pai (Neymar é muito jovem) e reconheceu o deslize e se comprometeu a visitar o Lar Espírita mais tarde. Os outros, especialmente Robinho, permanecem em sua postura intolerante.

BELO exemplo de caridade cristã na Páscoa.

(fonte: Folha de São Paulo)

EDIT: Aparentemente, Paulo Henrique Ganso também se arrependeu e vai visitar o Lar espírita mais tarde.

EDIT 2: Na segunda-feira dia 12 de abril Robinho, Neymar e Ganso voltaram ao lar espírita e passaram a tarde com as crianças doentes. Menos mau, e que bom que todos os três perceberam o tamanho da gafe que cometeram. Que não fique apenas na percepção de uma gafe, mas num genuíno arrependimento.

Perguntar não ofende

01/06/2009

Foram anunciadas as cidades sedes da Copa de 2014. Entre a festa e as críticas muito já foi escrito e não pretendo repetir aqui, a não ser para dizer que tenho motivos de sobra para ambas. Mas há algumas perguntas que gostaria de ver respondidas:

– Por que São Paulo é o candidato “natural” à abertura da Copa? BH e Porto Alegre são igualmente “naturais” para mim. Ao menos o Maracanã tem a dúbia distinção de ter sido o palco da tragédia de 1950, o que dá uma certa vontade de fazer a final lá de novo.

– Por que, numa Copa tida como “verde”, a Cuiabá de Blairo Maggi foi escolhida em detrimento de Campo Grande? Aliás, por que Manaus em vez de Belém, que tem muito mais tradição no futebol?

– Por que certos governantes de estado, como José Serra, já estão querendo empurrar a conta para o Governo Federal?

Mas nem tudo são críticas. As quatro capitais nordestinas têm muito a ganhar se fizerem direito seu trabalho e se dinheiro não for gasto inutilmente. Fiquemos na torcida!