O Universo para você descobrir

Quatrocentos anos atrás Galileu Galilei apontou uma luneta para o céu e revelou um novo mundo. As observações dele marcaram o começo de uma era de investigação e profundas descobertas sobre a Natureza numa escala sem precedentes. Tal foi a multiplicação de conhecimento científico nas últimas décadas, por exemplo, que a maioria de nós sequer se dá conta de como a ciência faz parte de nossas vidas. Isso quando não somos conduzidos a pensar que a ciência é alguma atividade hermética que apenas os muito inteligentes são capazes de realizar; ou que cientistas são pessoas esquisitas que não têm vida social.

O Ano Internacional da Astronomia vem para alterar essas percepções. Criado pela União Internacional da Astronomia (IAU, em inglês) e com o apoio da UNESCO, a comemoração reúne 140 nações numa aventura de mostrar o Universo para todos – mas principalmente para as crianças e jovens.

Não posso enfatizar isso o bastante: educação fundamental em ciência é importante demais para ser deixada de lado. Então, se você tem filhos, sobrinhos, primos; se tem curiosidade e vontade de aprender, não deixe de visitar o Planetário da Gávea, o Museu da Astronomia e Ciências Afins (esses se você for do Rio de Janeiro, claro), acompanhar a Olimpíada Brasileira de Astronomia e participar de algum clube amador de observações. Vale até participar de comunidades e fóruns de internet! Eu conheço um muito bom, o Clube d’Astronomia. Aprender é divertido e conheço poucas coisas que despertem tanto a imaginação e a curiosidade quanto observar os céus.

Confiram abaixo o clipe do Ano Internacional e bons céus para vocês!

Tags: ,

3 Respostas to “O Universo para você descobrir”

  1. Carina Says:

    o vídeo é lindo mesmo, amor.
    beijins

  2. Daniel Says:

    É o bom e velho Senso de Maravilhamento que o tio Carl Sagan falava :-)

  3. Luiz Felipe Vasques Says:

    E que tio Clarke tão bem escrevia.

    Ocorreu-me agora que a arquitetura e a engenharia deveriam voltar a fazer parte dessa Astronomia cotidiana, digamos, alinhavada com o urbanismo. Imagina belos marcos utilizando pontos geográficos, só aqui no Rio de Janeiro, em pontos pelo litoral ou pelos morros, demarcando posições astronômicas de acordo com o calendário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: